Limpeza ecológica: agora no supermercado

Postado em Atualizado em

 

Amaciante, sabão para roupas e limpador multiuso. Manjericão e azeite não acompanham

Já faz um tempo que publiquei um passo-a-passo para uma receita de amaciante caseiro. Outra forma de não poluir o meio ambiente enquanto se lava as roupas é comprar produtos ecologicamente corretos. No Brasil, ainda é um pouco difícil encontrar esses materiais. Aqui em São Paulo achei a linha Ecobril, no supermercado Pão de Açúcar.

O fabricante diz seguir o preceito dos 4R: Reciclar, Reutilizar, Reduzir e Respeitar o meio ambiente. Eles fazem isso das seguintes maneiras: 1. vendendo o produto em embalagens recicláveis; 2. disponibilizando refis para a venda, de forma que a garrafa possa ser usada de novo; 3. fabricando produtos concentrados, que exigem embalagens menores e 4. usando tensoativos biodegradáveis.

Apesar disso, os produtos não exibem nenhum certificado. Outra falha é que não há uma explicação – nem na embalagem nem no site – sobre o que é exatamente um tensoativo biodegradável. Mandei um e-mail para o fabricante com essas questões e recentemente recebi a resposta:

“Larissa,

A linha não possui nenhum tipo de certificado pois a empresa optou por estabelecer os seus próprios critérios, e a partir disto foi criado o selo 4R com todo este conceito. Esta é uma prática comum entre diversas empresas.

Biodegradação é a destruição de compostos químicos pela ação biológica de organismos vivos.

As bactérias são os principais microorganismos capazes de promover a destruição dos detergentes. No processo de biodegradação o oxigênio é indispensável para a oxidação das moléculas. As bactérias aeróbicas são as que mais participam do processo de biodegradabilidade dos detergentes.

Reações de Biodegradação:
É a conversão da molécula do tensoativo em dióxido de carbono + água + sais inorgânicos  e produtos diretamente aproveitáveis pelo microorganismo.

Portanto, para que não ocorra danos ao meio ambiente é necessário que os produtos contenham tensoativos biodegradáveis e que o leito de despejo contenha oxigênio o que permitirá a presença de bactérias aeróbicas responsáveis pelo processo de biodegradação, não deixando nenhum resíduo poluente no solo.”

Se entendi direito, os produtos da linha Ecobril podem ser digeridos por bactérias, liberando CO2, água, sais inorgânicos e comida para os bichinhos-devoradores-de-detergente. Pressupondo que os os tais sais inorgânicos não agridam o meio ambiente, me parece uma boa equação (alguém discorda ou tem argumentos contra? Manifeste-se).

Em tempo: ainda sou a favor do uso dos certificados, e a justificativa não me convenceu inteiramente. Assunto para outro post.

3 comentários em “Limpeza ecológica: agora no supermercado

    claudia mirian disse:
    22.julho.2013 às 10:40

    fiz e amei.

    Mariana Congo disse:
    23.novembro.2010 às 20:11

    Comprei um refil desses para testar. Era mais barato que todos os outros amaciantes também.

      Ladislara respondido:
      23.novembro.2010 às 20:45

      Yeah! Mais uma para o clã!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s